Navalha-Na-Carne_Lenise-Pinheirozz

ARTES CÊNICAS – Navalha na Carne Negra, com Cias Os Crespos (SP), Coletivo Negro (SP), Cia Dos Comuns (RJ) e Sociedade Abolicionista de Teatro (SP)

Retirada de ingressos com duas horas de antecedência. Limite de dois ingressos por pessoa.

Data: 21 e 22 de novembro, quinta e sexta-feira

Horário: 19h30

Local: Teatro Marília

Endereço: Av. Prof Alfredo Balena, 586 – Santa Efigênia

Classificação: 16 anos

Em um hotel, vivem uma prostituta, um cafetão e um camareiro gay. Releitura do clássico marginal de Plínio Sampaio, “Navalha na Carne Negra” reflete sobre a mercadoriacorpo na violência expressa contra a prostituta Neusa Sueli e o controle sobre o corpo das mulheres negras; o corpoobjeto da “bicha” Veludo e a sexualização do corpo negro e a fantasmagoria viril chamada Vado, cuja expressão é a imitação de uma violência naturalizada na figura do macho nacional e da virilidade do homem negro.

 

Ficha técnica:

Texto original: Plínio Marcos

Elenco: Lucélia Sérgio, Raphael Garcia e Rodrigo dos Santos

Direção: José Fernando Peixoto de Azevedo